Histórico

clique para ampliarclique para ampliarCITS 1992 (Foto: CITS)

O CITS foi fundado em junho de 1992, em Curitiba/PR, por iniciativa da comunidade empresarial, em cooperação com o setor universitário do Paraná e com o apoio do Governo local, como objetivo de acelerar o desenvolvimento socioeconômico local, através de atividades ligadas à formação e capacitação de pessoal, à pesquisa, desenvolvimento e extensão no campo de tecnologia da informação, tendo em vista a promoção da modernização e da competitividade empresarial. 

A primeira sede do CITS foi em ambiente cedido pela ASSESPRO/PR (Associação das Empresas Brasileiras de Software e Serviços de Informática do Paraná).

clique para ampliarclique para ampliarCITS 1994 (Foto: CITS)

 

 

 

Em 1994, o CITS expande as suas instalações e passa a funcionar nas dependências cedidas pela CELEPAR (Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná).

 

 

 

clique para ampliarclique para ampliarCITS 1995 (Foto: CITS)

 

Em 1995, continua o seu crescimento e passa sua sede para instalações cedida pelo TECPAR (Instituto de Tecnologia do Paraná).

 

 

clique para ampliarclique para ampliarCITS 1997 (Foto: CITS)


Em 1997, recebe da CIC – Cia Industrial de Desenvolvimento, uma área no Parque de Software de Curitiba para suas instalações. Neste mesmo ano, o CITS cria o CNTS -Centro de Novas Tecnologias de SOFTWARE e inaugura a Incubadora Internacional de Tecnologia de Software.

 

 

clique para ampliarclique para ampliarNova fase CITS (Foto: CITS)

Além de ser uma nova fase para o CITS, esse período também culminou no início da operação do Parque de Software, iniciativa visionária da Prefeitura de Curitiba e antiga aspiração da comunidade de empresas de software local. Pois desde os anos 80, Curitiba buscava tornar-se um centro de excelência no desenvolvimento de tecnologias de ponta, em especial na área de informática, que resultou no desenvolvimento do Parque de Software, que visava reunir empresas de software, de forte base tecnológica e com características de prestação de serviços de alto valor agregado.


Em 1999, o CITS inaugura a sede própria no Parque de software construída em parceria com a Siemens Ltda. Essa nova estrutura - denominado Prédio Phoenix, possibilitou a implantação de laboratórios com tecnologia de ponta permitindo o desenvolvimento e pesquisa de caráter avançado, o que refletiu na definição da identidade de centro de desenvolvimento e pesquisa em tecnologias de ponta no Parque de Software, o que atraiu outras empresas para o local.

Através de cooperações tecnológicas e treinamentos, as empresas do Parque de Software tiveram alavancagem em seu desenvolvimento através de treinamentos e cooperações técnicas, disponibilizadas graças à infraestrutura montada.

O CITS desde sua fundação desenvolve atividade de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) vinculadas a incentivos públicos. E, em 2002, a Resolução CATI 036/2002 (Comitê de Assunto de Tecnologia da Informação), em vigor nos dias atuais, credencia o CITS como executor de atividade de Pesquisa e desenvolvimento voltada a Lei de Informática (Lei no.8.387/1991).

Em 2004, em reconhecimento de suas contribuições tecnológicas, o CITS recebe o Prêmio FINEP de Inovação Tecnológica, 3º. lugar regional. Já em 2005 e 2006 o CITS também foi reconhecido pelas suas atividades e caráter inovador, e fica em 2º. lugar regional. Finalmente, em 2008, recebe o 1º. Lugar Nacional, do Prêmio Finep de Inovação.

clique para ampliarclique para ampliarCITS Amazonas 2009 (Foto: CITS)

Neste mesmo ano iniciam-se as atividades do CITS para ampliação de sua área de atuação, que culminaram na implantação de nova unidade do CITS em Manaus-AM, o CITS.Amazonas, que iniciou suas atividades em 2009, em escritório na área central da cidade.

No final deste mesmo ano, conforme Resolução 09/2009 publicada pelo MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Industria e Comércio Exterior) o CITS.Amazonas, é credenciado junto ao CAPDA (Comitê das Atividades de Pesquisa e Desenvolvimento na Amazônia) para execução de atividade de pesquisa e desenvolvimento em termo da Lei de Informática na região Norte do país.


Foi também neste ano que se iniciou a parceria internacional do CITS com o ESI/Tecnalia (European Software Institute), centro de pesquisa privado localizado na Espanha. No qual vem sendo realizados vários projetos conjuntos de pesquisa e desenvolvimento.
Neste mesmo período, o CITS presando sempre pela qualidade de seus serviços foi a primeira instituição de P&D no Brasil a obter certificação CMMI nível 2 (2008) e 3 (2009).

Em 2010, em iniciativa de expansão para o Nordeste, montou um Laboratório de TV Digital em Fortaleza (CE).

Em 2012, uma solução desenvolvida pela LOM (Lite On Mobile) em parceria com o CITS.Amazonas recebeu o Prêmio Infraero de Eficiência Logística do Aeroporto Internacional de Manaus/Eduardo Gomes (AM). A solução possibilitou que o planejamento e controle das cargas fossem automatizados garantindo um planejamento correto conforme acordado com os agentes de carga, sendo possível ter o tempo da entrega no mesmo momento do planejamento. Além disso, possibilitou a simulação do tempo de chegada da carga por diferentes rotas e agentes, apoiando resposta e decisões rápidas.

clique para ampliarclique para ampliarCITS 2014 (Foto: CITS)


Em 2014, o CITS.Amazonas expande as suas instalações e passa a funcionar em novas instalações no Distrito Industrial I de Manaus\AM. 

 


Neste mesmo ano o CITS se associa ao IPDEletron (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico do Complexo Eletroeletrônico e Tecnologia da Informação), com o intuito de promover o desenvolvimento tecnológico e a inovação nas empresas do setor eletroeletrônico, visando melhorar a competitividade sistêmica em nível nacional e internacional.

clique para ampliarclique para ampliarCITS 2015 (Foto: CITS)

Em 2015, o CITS com o apoio da FINEP iniciou as obras para implementação do Edifício de Serviços de TI e Comunicação, que visa ampliar suas instalações em Curitiba/PR para desenvolvimento e implantação de novos laboratórios. Além disso, nesse mesmo ano, iniciaram-se iniciativas de expansão territorial e abrangência de atendimento do CITS, com abertura de escritórios em São José dos Campo (SP) e Joinville (SC).


Ao longo desses 24 anos o CITS e o CITS.Amazonas desenvolveram juntos mais de 700 projetos de P&D, apoiando empresas de diversos setores como: Manufatura, Varejo, Bancário, Utilities (Energia), Educação, Telecom, Tecnologia da Informação (OEM / ODM), Healthcare (Saúde). Além disso, cerca de 700 profissionais foram treinados anualmente em cursos de capacitação continuada na área de TI. Desta forma, contribuindo para a competitividades das empresa e desenvolvimento industrial local e nacional.