CITS lança a primeira plataforma de gerenciamento de biotérios do Brasil: o BioterC

Um dos maiores desafios em qualquer empresa é ter uma gestão eficiente, em que se tenha informações corretas, em tempo real, para que a tomada de decisão seja a mais assertiva para o negócio.

No Brasil, a gestão de biotérios – locais onde animais são conservados para que sejam posteriormente utilizados em experimentos científicos, especialmente no caso de roedores, rãs, coelhos e insetos – é feita, principalmente, de modo manual, em sua maioria com a utilização de planilhas.

A falta de um processo de gerenciamento eficaz pode reduzir de forma substancial as tomadas de decisões no processo de produção dos animais utilizados em pesquisa científicas, além de dificultar a visualização do emprego dos recursos financeiros no criatório animal ou mesmo do planejamento de metas. 

Neste sentido, o CITS e a Fiocruz fizeram uma parceria para codesenvolver uma solução de controle gerencial de biotérios para as instituições que criam ou utilizam animais com finalidade de ensino e pesquisa científica. Trata-se do BioterC, uma tecnologia licenciada da Fiocruz, desenvolvida, mantida e distribuída pelo CITS.

O BioterC é a primeira plataforma nacional de gerenciamento virtual voltada à gestão e avaliação de índices zootécnicos de biotérios que produzem e/ou utilizam animais para pesquisas científicas. Possibilita o controle de todas as atividades zootécnicas do criatório animal e permite que toda a informação gerada por pesquisadores e administradores seja acessada em tempo real, mantendo a rastreabilidade e confiança do processo, além da redução das atividades operacionais.

Desenvolvido em 2013 por pesquisadores do Instituto Carlos Chagas (ICC/Fiocruz), unidade da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Paraná, a partir dos desafios encontrados na rotina do biotério da unidade. O BioterC foi idealizado com o objetivo de aperfeiçoar o controle gerencial das diferentes atividades realizadas no criatório da unidade. A ferramenta garantiu avanços importantes à unidade como o aumento da capacidade de registro e a diminuição do tempo de recuperação dos dados nos processos do biotério. O software viabilizou a transmissão padronizada das informações sobre os regulamentos internos do biotério e gerou acréscimo na capacidade de previsibilidade no fornecimento e produção dos animais. 

Para torná-lo um produto que pudesse atender a todos os biotérios do Brasil, a Fiocruz e o CITS estabeleceram uma parceria de negócio. O CITS, como instituição de desenvolvimento, que possui especialistas capazes de analisar, propor e amparar o desenvolvimento de soluções e inovações tecnológicas em produtos de TI e sua introdução no mercado, atuou no desenvolvimento de uma nova versão da ferramenta, contemplando novas funcionalidades e novo modelo de negócio, transformando-o em uma Plataforma de Gerenciamento de Biotérios Cloud, acessível a toda a comunidade científica do mercado brasileiro, provendo uma melhor gestão do controle do número de animais utilizados em experimentação no país. 

Exaustivamente testada, durante mais de 5 anos, com o Biotério do ICC/Fiocruz, e com melhorias de performance conforme a experiência de utilização por pesquisadores, a Plataforma Bioterc está sendo lançada neste mês de maio para todo o mercado brasileiro. A aquisição dos serviços pelos biotérios se dará por meio do modelo de Assinatura (SaaS) – em constante evolução, sem licença, nem custos adicionais.

O Bioterc traz, além da renovação da gestão com a Digitalização dos processos e o uso da tecnologia na gestão da Ciência, uma importante contribuição para a possibilidade do Brasil tornar-se o primeiro país no mundo capaz de monitorar, em tempo real, toda a cadeia de gestão e zootécnica envolvida na produção e utilização de animais em pesquisas científicas.

Para saber mais acesse a plataforma bioterc.com.br, faça uma experiência em ambiente simulado e conheça as principais funcionalidades do software que vai revolucionar a gestão nos biotérios brasileiros.

Mais informações bioterc.com.br  ou por e-mail bioterc@cits.br

Compartilhe

Deixe seu comentário

Verifique os campos abaixo.

    Não será publicado

    Envie para seus amigos

    Verifique os campos abaixo.

      Limitado em 600 caracteres

      Comunicar Erro

      Verifique os campos abaixo.

        Limitado em 600 caracteres